13 março, 2010

Polêmica: Afiliada da Globo em São Paulo é acusada de exploração de mão de obra

O grupo Traffic, que administra a TV TEM, rede de afiliadas da TV Globo no interior do Estado de São Paulo, além da Rede Bom Dia de jornais e do Diário de S. Paulo, está sendo acusado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais de exploração de mão de obra, através de acúmulo de funções, remanejamento e demissões.

Na TV TEM, vários problemas foram registrados, como a demissão de quatro profissionais, que ocasionou o aumento do trabalho, além da transferência de colaboradores para outras cidades, sem nenhum tipo de adicional para arcar com despesas de transporte, aluguel ou maior custo de vida. A situação tem levado vários profissionais a pedirem demissão, porém a emissora não tem contratado substitutos, aumentando a carga de trabalho.

Anteriormente, o grupo Traffic já havia sido denunciado por obrigar repórteres cinematográficos a conduziram os veículos da emissora, numa medida para evitar a contratação de motoristas. A afiliada também foi acusada de obrigar seus profissionais a arcar com as eventuais multas de trânsito de suas viaturas.

Em entrevista ao portal Comunique-se, o presidente do sindicato, José Augusto Camargo, diz que pretende conversar com os diretores da TV TEM. “Os jornalistas ficam desgastados pelo acumulo de funções, isso tem acontecido em toda a rede, por isso queremos conversar com eles para entrar num acordo”, revela.

Procurado, o departamento de Recursos Humanos da Traffic diz desconhecer qualquer tipo de problema e reivindicações por parte de seus profissionais, mas que a empresa está aberta para discutir o tema com o sindicato.

Nenhum comentário: